28 de dez de 2011

Feliz ano novo!

Faltam 3 dias para começar mais um ano. De certa forma é sempre a mesma coisa: sai um entra outro, trabalho demais, escola demais, problemas demais!

Para esses momentos de dificuldade, recomendo uma boa comidinha  para alimentar o corpo. Um bom amigo para dividir seus pensamentos, e um bom passeio para alimentar sua alma.

Não importa qual seja o problema que está vivendo, ele sempre vai passar.

Não importa a tristeza que está em você, ela também vai passar.

O que importa é lembrar que depois de toda chuva, o sol volta a brilhar, e com mais intensidade.

Sorria, sorria até sozinha, sorria sempre, pois sorrindo afastamos o mal, nada de ruim chega até você, o sorriso cria um espelho onde tudo volta, o que vem de bom e o que vem de ruim.

Não precisa se importar com os outros, o que eles pensam de você ou desejem pra você. Vai sempre voltar para eles. Ou seja, se for sentimentos bons, ótimos, se não.... Azar o deles!
 

FELIZ ANO SIM, NÓS MERECEMOS!!!

Marina

27 de dez de 2011

Panquecas


Li na internet que a  receita vem dos EUA,  que eles adoram comer no café da manhã com mel. E achei também que é originária da França, onde ela é chamada de crepe.Conta-se que uma mulher derramou um pouco de mingau na panela quente por acidente e então ao provar, era gostoso e de preparo rápido.

Bom, não importa de onde vem. É uma receita simples.

E,  se é simples tem lugar cativo aqui no blog.

Eu já havia feito uma vez, e ontem fiz de novo, então tirei algumas fotos e a receita está junto.


Panqueca:

1 copo de leite (200ml)
1 copo de farinha de trigo
1 ovo
1 pitada de sal

Bata tudo no liquidificador e reserve.
Aqueça a frigideira com umas gotas de óleo, e com o fogo baixo, coloque uma concha da mistura, espalhe em todo o fundo da frigideira, deixe escurecer de um lado e depois vire e faça o mesmo do outro lado.

Fica mais fácil fazer todas primeiro e reservar num prato, depois de fazer toda a quantidade que você quiser, aí vamos rechear.


Recheio:
Fica a gosto.
Fiz de:

 Tomate com mussarela, orégano e um pouco de sazon.

Presunto com bacon e mussarela.

Carne moída, com o molho bem cremoso.

É só colocar o recheio sobre a panqueca, e enrolar, ela não quebra.





 Coloque todas em um prato coloque mussarela, molho e cebolinha por cima, leve para aquecer até derreter a mussarela.

É só saborear com um copo bem gelado de Coca-cola.
Espero que gostem.
Marina.



22 de dez de 2011

Natal 2011

É com muito orgullo e carinho que agradeço aos meus 377 visitantes neste primeiro mês do meu blog.
Recebi visitas de todo Brasil, visitas também dos Estados Unidos, Alemanha, Rússia e outros.

Meu blog, é simples, mas com muito carinho e amor.

Gosto de viver de maneira simples e feliz. e tento passar isto para meus visitantes.

Não precisamos seguir o que a sociedade impõe, pois se tentarmos isso, seremos sempre infelizes, pois para a sociedade nunca será o suficiente

Minhas receitas são simples, aquelas comidas que realmente comemos, que são possíveis de fazer, sem complicações e que realmente alimentam.

Desejo a todos os meus amigos, visitantes, leitores, um maravilhoso Natal, cheio de Deus no coração.
Uma deliciosa passagem de ano ao lado dos que amamos de verdade.

E que no próximo ano consigamos tudo aquilo por que lutamos.

Viva simples e serás feliz!!!
Marina

Para refletir

Quero compartilhar com vocês este "texto" abaixo, vamos refletir um pouco sobre como está a maioria das pessoas hoje. Ainda bem que não são todas.
Ter uma carreira é maravilhoso, mas ela não pode te aquecer numa noite fria.
Marilyn Monroe
A EXECUTIVA BEM SUCEDIDA

Foi tudo muito rápido. A executiva bem-sucedida sentiu uma pontada no peito, vacilou, cambaleou. Deu um gemido e apagou. Quando voltou a abrir os olhos, viu-se diante de um imenso Portal.

Ainda meio zonza, atravessou-o e viu uma miríade de pessoas.Todas vestindo cândidos camisolões e caminhando despreocupadas. Sem entender bem o que estava acontecendo, a executiva bem-sucedida abordou um dos passantes:


- Enfermeiro, eu preciso voltar urgente para o meu escritório, porque tenho um meeting importantíssimo. Aliás, acho que fui trazida para cá por engano, porque meu convênio médico é classe A e isto aqui está me parecendo mais um pronto-socorro. Onde é que nós estamos?

- No céu.

- No céu?...

- É.

- Tipo assim... o céu, CÉU...! Aquele com querubins voando e coisas do gênero?

- Certamente. Aqui todos vivemos em estado de gozo permanente.

Apesar das óbvias evidências: nenhuma poluição, todo mundo sorrindo, ninguém usando telefone celular, a executiva bem-sucedida custou um pouco a admitir que havia mesmo apitado na curva.

Tentou então o plano B: convencer o interlocutor, por meio das infalíveis técnicas avançadas de negociação, de que aquela situação era inaceitável. Porque, ponderou, dali a uma semana iria receber o bônus anual, além de estar fortemente cotada para assumir a posição de presidente do conselho de administração da empresa.

E foi aí que o interlocutor sugeriu:

- Talvez seja melhor você conversar com Pedro, o síndico.

- É? E como é que eu marco uma audiência? Ele tem secretária?

- Não, não. Basta estalar os dedos e ele aparece.

- Assim? (...)

- Pois não?


A executiva bem-sucedida quase desaba da nuvem. À sua frente, imponente, segurando uma chave que mais parecia um martelo, estava o próprio Pedro.

Mas a executiva havia feito um curso intensivo de approach para situações inesperadas e reagiu rapidinho:


- Bom dia. Muito prazer. Belas sandálias. Eu sou uma executiva bem-sucedida e...

- Executiva... Que palavra estranha. De que século você veio?

- Do 21. O distinto vai me dizer que não conhece o termo 'executiva'?

- Já ouvi falar. Mas não é do meu tempo.


Foi então que a executiva bem-sucedida teve um insight. A máxima autoridade ali no paraíso aparentava ser um zero à esquerda em modernas técnicas de gestão empresarial. Logo, com seu brilhante currículo tecnocrático, a executiva poderia rapidamente assumir uma posição hierárquica, por assim dizer, celestial, ali na organização.


- Sabe, meu caro Pedro. Se você me permite, eu gostaria de lhe fazer uma proposta. Basta olhar para esse povo todo aí, só batendo papo e andando à toa, para perceber que aqui no Paraíso há enormes oportunidades para dar um upgrade na produtividade sistêmica.


- É mesmo?


- Pode acreditar, porque tenho PHD em reengenharia. Por exemplo, não vejo ninguém usando crachá. Como é que a gente sabe quem é quem aqui, e quem faz o quê?


- Ah, não sabemos.

- Entendeu o meu ponto? Sem controle, há dispersão. E dispersão gera desmotivação. Com o tempo isto aqui vai acabar virando uma anarquia. Mas nós dois podemos consertar tudo isso rapidinho, implementando um simples programa de targets individuais e avaliação de performance.


- Que interessante...


- É claro que, antes de tudo, precisaríamos de uma hierarquização e um organograma funcional, nada que dinâmicas de grupo e avaliações de perfis psicológicos não consigam resolver.


- !!!...???...!!!...???...!!!


- Aí, contrataríamos uma consultoria especializada para nos ajudar a definir as estratégias operacionais e estabeleceríamos algumas metas factíveis de leverage, maximizando, dessa forma, o retorno do investimento do Grande Acionista... Ele existe, certo?


- Sobre todas as coisas.


- Ótimo. O passo seguinte seria partir para um downsizing progressivo, encontrar sinergias high-tech, redigir
manuais de procedimento, definir o marketing mix e investir no desenvolvimento de produtos alternativos de alto valor agregado. O mercado telestérico, por exemplo, me parece extremamente atrativo.

- Incrível!


- É óbvio que, para conseguir tudo isso, nós dois teremos que nomear um board de altíssimo nível. Com um pacote de remuneração atraente, é claro. Coisa assim de salário de seis dígitos e todos os fringe benefits e mordomias de praxe. Porque, agora falando de colega para colega, tenho certeza de que você vai concordar comigo, Pedro. O desafio que temos pela frente vai resultar em um Turnaround radical.


- Impressionante!


- Isso significa que podemos partir para a implementação?


- Não. Significa que você terá um futuro brilhante... se for trabalhar com o nosso concorrente. Porque você acaba de descrever, exatamente, como funciona o Inferno...


Max Gehringer
(Revista Exame)

6 de dez de 2011

Bodas de casamento

Todas as datas de aniversário são importantes para quem ama.
As bodas muitas das vezes só são lembradas quando chega a de prata e ouro.
Mas a cada ano, uma boda se renova.
Ou seja, renovar a promessa do casamento.
Então vale a pena comemorar cada ano.




01º - Bodas de Papel
02º - Bodas de Algodão
03º - Bodas de Couro ou Trigo
04º - Bodas de Flores, Frutas ou Cera
05º - Bodas de Madeira ou Ferro
06º - Bodas de Açúcar ou Perfume
07º - Bodas de Latão ou Lã
08º - Bodas de Barro ou Papoula
09º - Bodas de Cerâmica ou Vime
10º - Bodas de Estanho ou Zinco
11º - Bodas de Aço
12º - Bodas de Seda ou Ônix
13º - Bodas de Linho ou Renda
14º - Bodas de Marfim
15º - Bodas de Cristal
16º - Bodas de Safira ou Turmalina
17º - Bodas de Rosa
18º - Bodas de Turquesa
19º - Bodas de Cretone ou Água Marinha
20º - Bodas de Porcelana
21º - Bodas de Zircão
22º - Bodas de Louça
23º - Bodas de Palha
24º - Bodas de Opala

25º - Bodas de Prata

26º - Bodas de Alexandrita
27º - Bodas de Crisoprásio
28º - Bodas de Hematita
29º - Bodas de Erva
30º - Bodas de Pérola
31º - Bodas de Nácar
32º - Bodas de Pinho
33º - Bodas de Crizopala
34º - Bodas de Oliveira
35º - Bodas de Coral
36º - Bodas de Cedro
37º - Bodas de Aventurina
38º - Bodas de Carvalho
39º - Bodas de Mármore
40º - Bodas de Esmeralda
41º - Bodas de Seda
42º - Bodas de Prata dourada
43º - Bodas de Azeviche
44º - Bodas de Carbonato

45º - Bodas de Rubi

46º - Bodas de Alabastro
47º - Bodas de Jaspe
48º - Bodas de Granito
49º - Bodas de Heliotrópio

50º - Bodas de Ouro

51º - Bodas de Bronze
52º - Bodas de Argila
53º - Bodas de Antimônio
54º - Bodas de Níquel
55º - Bodas de Ametista
56º - Bodas de Malaquita
57º - Bodas de Lápis-lazúli
58º - Bodas de Vidro
59º - Bodas de Cereja

60º - Bodas de Diamante

61º - Bodas de Cobre
62º - Bodas de Telurita
63º - Bodas de Sândalo
aliança com brilhante - compare preço de anéis
64º - Bodas de Fabulita
65º - Bodas de Platina
66º - Bodas de Ébano
67º - Bodas de Neve
68º - Bodas de Chumbo
69º - Bodas de Mercúrio
70º - Bodas de Vinho
71º - Bodas de Zinco
72º - Bodas de Aveia
73º - Bodas de Manjerona
74º - Bodas de Macieira

75º - Bodas de Brilhante ou Alabastro
76º - Bodas de Cipestre
77º - Bodas de Alfazema
78º - Bodas de Benjoim
79º - Bodas de Café
80º - Bodas de Nogueira ou Carvalho
81º - Bodas de Cacau
82º - Bodas de Cravo
83º - Bodas de Begônia
84º - Bodas de Crisântemo
85º - Bodas de Girassol
86º - Bodas de Hortênsia
87º - Bodas de Nogueira
88º - Bodas de Pêra
89º - Bodas de Figueira
90º - Bodas de Álamo
91º - Bodas de Pinheiro
92º - Bodas de Salgueiro
93º - Bodas de Imbuia
94º - Bodas de Palmeira
95º - Bodas de Sândalo
96º - Bodas de Oliveira
97º - Bodas de Abeto
98º - Bodas de Pinheiro
99º - Bodas de Salgueiro
100º - Bodas de Jequitibá 


Simples e feliz!
Marina

2 de dez de 2011

Fátima Bernardes sai do Jornal Nacional

A partir da próxima segunda-feira (05/12) Fátima Bernardes deixará de ser a apresentadora do Jornal Nacional. Depois de 14 anos ao lado do marido William Bonner, ela diz que está cansada da rotina pesada do jornal.
E sem contar que precisa de mais tempo com os filhos. 
A jornalista vai estrear um programa matinal diferente dos que já estão no ar na própria Globo.

Quem ficará com a missão de aguentar William Bonner será Patrícia Poeta, que está deixando a apresentação do Fantástico para Renata Ceribelli, Zeca Camargo e Tadeu Schimidt.

Fátima deixava o Jornal Nacional mais leve. Vamos ver como vai ficar.

Simples e feliz!
Marina

Cabo Frio

Se você está pensando em ir para uma praia para ficar tranquilo, mas não cair do marasmo, vá para Cabo Frio, São várias opções, cada uma ao seu jeito, de forma que sempre vai agradar aos estilos de turista do Brasil e estrangeiros. Há praias para caminhar em trilhas, ilhas paradisíacas, dunas,  nudismo, lazer com a família, agitar com os amigos e um excelente calçadão.



Vou falar aqui de apenas algumas.

  

A praia da Barra (do Forte, ou de Cabo Frio) é um dos cartões-postais da cidade fica bem no centro e é point de jovens e turistas. A praia foi considerada por velejadores internacionais a maior raia do mundo para a prática do esporte.


 




A Praia Brava tem à sua frente a Ilha dos Papagaios, um local bastante selvagem. Com águas claras e muito agitadas, é a praia a onde se pratica o nudismo.







 
Já a Praia das Conchas atrai muitas famílias, em busca de suas águas calmas e cristalinas. Com muitos quiosques e uma beleza indescritível. Esta é sem dúvida a minha preferida.





Enfim, vale a pena conferir.

Espero que gostem
Simples e feliz!
Marina

Topo da Página ↑